×

Utilize o teclado para navegar, com Ctrl + nº da tecla

Ctrl + 1 (menu) Ctrl + 2 (conteúdo) Ctrl+ 3 (busca) Ctrl + 4 (mapa) Ctrl + 0 (acessibilidade)

A +

A -

Padrão


Original

Contraste
Notícias

Nova bassano recebe cavalarianos com a chama crioula


Data de publicação: 10 de setembro de 2015
Crédito da notícia: Assessoria de Imprensa


Após ser distribuída na cidade de Chuí para o restante dos municípios do Rio Grande do Sul, a Chama Crioula chegou a Nova Bassano na tarde desta quarta-feira (09/9), sendo trazida por um grupo de cavalarianos da 13ª Região Tradicionalista do MTG, e foi recepcionada por peões do CTG Pousada do Imigrante. Logo após a centelha foi trazida ao Passo municipal, onde foi entregue ao prefeito Darcilo Luiz Pauletto, pelo coordenador da cavalgada, Eduardo Nunes Mello do Piquete 35 da cidade de Lagoa Vermelha. Com a presença de autoridades e estudantes pertencentes à rede pública de ensino, foi acesa a pira, onde o fogo permanecerá até o término das festividades Farroupilha. O chefe do Executivo desejou a todos os tradicionalistas envolvidos, uma excelente semana Farroupilha e boas comemorações no dia 20 de Setembro, data importante na cultura gaúcha. “Vamos participar e comemorar, porque saber da nossa história e ter orgulho dela é muito bonito e serve de exemplo para nossos filhos. Nova Bassano cada vez mais tem um movimento tradicionalista forte. É uma preservação de raízes e esses valores éticos e morais e cívicos precisam ser preservados. Essa responsabilidade é do Rio Grande do Sul, e está nas mãos dos nossos tradicionalistas”, ressaltou o prefeito. O Guri Farroupilha do Rio Grande do Sul, Tiago Guadagnin Radin, representou o CTG Pousada do Imigrante e falou da satisfação em poder participar de um momento tão importante para os gaúchos. “Recebemos o piquete e a Chama Crioula, que para nós é motivo de orgulho”. A chama que aquece os corações do povo gaúcho, mantém viva as nossas tradições e estará também aqui em nossa cidade durante as comemorações, reforçou Tiago. Ao final do evento, Angelo Borin, homenageou a chegada da Chama Crioula e aos cavalarianos que com muito zelo conduziram a mesma, com um solo de gaita, traduzido na música que identifica o gaúcho, “Querência Amada” de Osvaldir e Carlos Magrão.

© Copyright 2019 - Todos os direitos reservados
Dynamika Soluções Web Ltda